DJ cria bicicleta em que cliente pedala para acionar liquidificador e preparar o próprio suco ou café

As BiciRangos foram inauguradas em setembro, durante a Virada Cultural de Belo Horizonte. Luiz Valente já adaptou bicicletas para vender churrasquinhos e a próxima será para fazer chope

Divulgação/FacebookAlém de preparar um suco saudável, o cliente ainda se exercita (foto: Divulgação/Facebook)

Que tal você pedalar uma bicicleta para fazer o seu próprio suco natural ou moer os grãos do seu café? Em Belo Horizonte, isso já é possível graças a uma engenhoca criada pelo DJ Luiz Valente, de 36 anos. São bicicletas adaptadas em que ele ou próprio cliente pedala para acionar o liquidificador ou o moedor de café, sempre em eventos ligados à cultura.

Formado em turismo e dono da Vinyl Land Recorde, uma gravadora de vinil para artistas novos, Luiz Valente criou também um sistema de som movido a pedaladas e a energia solar. “Eu sempre monto o som nas ruas”, disse.

A mais recente invenção do DJ é a BiciRango. “São duas bikes adaptadas. Uma delas faz café. Você pedala para moer o café na hora. A outra faz suco. Você pedala e aciona o liquidificador”, explica o inventor. “O grande lance é que elas são bicicletas mesmo e a gente vai para os eventos pedalando”, comenta.Luiz Valente conta que usa tecnologias disponíveis e que somente faz a adaptação. “Usei um moedor de café antigo. No caso do café expresso, a gente tem que usar a força do braço para movimentar a máquina manual, que dispensa energia elétrica. Usamos energia limpa, sem poluentes”, se gaba o DJ.

E quem pedala para preparar o seu próprio café ou suco ganha descontos. O café, que custa R$ 5, sai por R$ 4. Quem pedala para preparar o suco natural também tem desconto de R$ 1. O preço cai de R$ 6 para R$ 5. “Além de tomar uma bebida saudável, a pessoa ainda se exercita e economiza”, brinca o inventor, que também prepara drinks, que custam R$ 12 e saem por  R$ 10 se o cliente pedala.

As BiciRangos foram inauguradas em setembro, durante a Virada Cultural de Belo Horizonte. Valente conta que já adaptou bicicletas para vender churrasquinhos e a próxima será para fazer chope. “A ideia é a pessoa pedalar e produzir pressão dentro do barril para a bebida sair”, adianta o DJ. Por enquanto, segundo ele, seu trabalho não é comercial, mas está disposto a orientar os interessados a construir a sua própria BiciRango. Adepto a tudo que é saudável, ele espera fazer parcerias com lojas de sucos e de comidas orgânicas.

Luiz Valente é integrante da Associação dos Ciclistas Urbanos de Belo Horizonte (BH em Ciclo), criads em 8 de dezembro de 2012, que trabalha para que a cidade se torne cada vez mais amiga do ciclista.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s